Filmes musicais que não pode perder

Um filme musical combina duas das artes que mais amamos: o cinema e a música. Nos filmes que elegemos como imperdíveis, a junção dessas duas artes é elevada ao seu máximo expoente:

  • “Cantando na Chuva” (“Singing in the Rain”, 1952) – um clássico inesquecível, com um Gene Kelly perfeito;
  • “A Noviça Rebelde” (“The Sound of Music”, 1965) – grande clássico com alguns dos temas mais memoráveis de sempre como “The Hills Are Alive”, “So Long Farewell”, “Edelweiss”, “Do Re Mi Fa” ou “My Favorite Things”;
  • “Moulin Rouge” (2001) – um filme em que Ewan McGregor e Nicole Kidman brilham… a cantar!
  • Cabaret” (1972) – dirigido por Bob Fosse, tem a maravilhosa Liza Minnelli como protagonista;
  • “O Mágico de Oz” (“The Wizard Of Oz”, 1939) – com a grande Judy Garland a dar voz a “Somewhere Over The Rainbow”;
  • “Mary Poppins” (1964) – Julie Andrews em outro clássico imortal;
  • “Funny Girl – A Garota Genial” (“Funny Girl”, 1968) – Barbra Streisand ao lado de Omar Sharif… é preciso dizer mais?
  • “Nasce uma An_American_in_Paris_(1951)_trailer_1Estrela” (“A Star Is Born”, 1954) – com uma das maiores estrelas do firmamento dos musicais, Judy Garland;
  • “Agora Seremos Felizes” (“Meet Me In St. Louis”, 1944) – dirigido por Vincent Minnelli em mais um encontro com Judy Garland;
  • “Um Violinista no Telhado” (“Fiddler On The Roof”, 1971) – adaptação de um clássico da Broadway com trilha sonora do genial John Williams;
  • “Grease – Nos Tempos da Brilhantina” (“Grease”, 1978) musical em estilo pop com John Travolta e Olivia Newton-John;
  • “Amor, Sublime Amor” (“West Side Story”, 1961) – adaptação do amor trágico de Romeu e Julieta por Robert Wise;
  • “Sinfonia de Paris” (“An American In Paris”, 1951) – musical dirigido pelo mestre Vincent Minnelli e interpretado pelo mago Gene Kelly;
  • “Minha Bela Dama” (“My Fair Lady”, 1964) – musical de George Cukor com Audrey Hepburn e Rex Harrison, galardoada com oito oscares.

Esses são alguns dos filmes musicais que melhor representam o gênero e devem ser vistos e revistos sempre que possível!